Home » cursos

Georgia Quintas nos conta sobre a Pós-Graduação em Fotografia na FAAP

[ | 16 jul 2011 | One Comment | 2.002 visitas ]

Iniciou neste ano o curso de Pós-Graduação em Fotografia na Fundação Álvares Penteado, cordenado por Georgia Quintas e Rubens Fernandes Júnior. Como interessada no assunto, conversei com Georgia pra que ela me contasse um pouco sobre o curso. Eis o que ficou claro pra mim depois da nossa conversa.

O programa de estudos tem como base a reflexão sobre a fotografia documental na arte contemporânea, ou seja, é mais teórico que prático. As disciplinas foram desenvolvidas a partir de algumas questões principais:

- O arquivamento e conservação de fotografias antigas e também das que estão sendo produzidas atualmente. Os alunos são instigados a pensar em como manter a memória fotográfica na era digital, já que nos dias de hoje, imagens são criadas numa velocidade e quantidade cada vez maior. Nesse contexto, é de extrema importância pensar na organização desses arquivos para que eles possam permanecer vivos ao longo do tempo.

- A busca de um sentido para a imagem que se produz por meio da compreensão da linguagem fotográfica (suporte, poética, simbolismo). Perguntas como: “Por que fazer uma fotografia?” são trazidas sempre à tona para que os alunos tenham consciência do ato fotográfico.

- O funcionamento do mercado fotográfico, não apenas do ponto de vista do fotógrafo mas também do curador e do crítico. Portanto, o curso não é apenas direcionado à fotógrafos, uma vez que envolve distintas áreas de atuação nesse mercado.

Se você se interessou, saiba que uma nova turma será aberta no início de 2012. Para saber mais, acesse o link abaixo:

Pós-Graduação em Fotografia
FAAP – Fundação Álvares Penteado
Rua Alagoas, 903 :: Higienópolis :: São Paulo
(11)3662 7449
pos.atendimento@faap.br

Veja mais posts de

Não gostei!Gostei! (Nenhum voto registrado.)
Loading ... Loading ...




One Comment »

  • Aman said:

    Hi Sara,Thank you for your comments cninercong my blog comments regarding Teflon. Whereas I may have been premature in stating a definitive cause and effect relationship, after reviewing the links you provided the EPA’s review board stated that the Carcinogenic Potential of PFOA did warrant the label of “Likely to be carcinogenic to humans”. The EPA further states,” Since its review, additional research has been conducted pertaining to the carcinogenicity of PFOA. EPA is still in the process of evaluating this information and has not made any definitive conclusions regarding potential risks, including cancer, at this time.”So just because a final designation has yet to be made, it is also premature to assume there is no inherent risk as well. History has proven time and time again that it takes years, if not decades to prove the harmful side effects of chemicals.Christine

Leave your response!

Add your comment below, or trackback from your own site. You can also subscribe to these comments via RSS.

Be nice. Keep it clean. Stay on topic. No spam.

You can use these tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

This is a Gravatar-enabled weblog. To get your own globally-recognized-avatar, please register at Gravatar.